Lélio varella
Presidente do Comitê de Nomeação do PMI-RIO


Se você leu a 1ª edição da “Palavra do Diretor”, lançada na newsletter do mês passado, já sabe que este espaço foi criado para que você conheça melhor as funções do nosso quadro diretor e esteja continuamente informado sobre as atividades por ele conduzidas.

Hoje me dirijo a você nas condições de fundador, ex-presidente e Voluntário do PMI-RIO – que é a condição da qual mais me orgulho – no momento servindo como Presidente do Comitê de Nomeação. Esse comitê, assim como o Comitê de Nomeação do PMI Global, no qual já tive a honra de servir por duas vezes, é responsável por:

Identificar e reconhecer os líderes que estejam “melhor preparados, efetivamente dispostos e em condições de servir à comunidade – livres de restrições e interesses pessoais”, para em tempo de eleições elaborar a lista de candidatos elegíveis para votação direta pelos filiados, no caso para eleição dos diretores do PMI-RIO.


A evolução de um voluntário é um processo de desenvolvimento pessoal e elevação do seu grau de maturidade, segundo quatroatributos. Uma figura “diz” mais do que 1000 palavras.





Envolvimento
– O Voluntário compreende seu Papel. Dedica tempo adequado as atividades nas quais se envolve no PMIRIO, de forma compatível com sua real disponibilidade, e equilibrada com a sua dedicação a atividades familiares e profissionais.

Integração - O Voluntário compreende e respeita a cultura, regras de governança e procedimentos de trabalho. Atua com transparência e liberdade, em harmonia com todos no ambiente de relacionamento do PMIRIO.

Engajamento - O Voluntário compreende, compartilha e promove os propósitos do PMIRIO e das atividades nas quais está envolvido, compromete-se com resultados e os realiza conforme as expectativas das partes interessadas.

Capacitação - O Voluntário compreende, busca, adquire e demonstra aplicar as capacidades necessárias ao bom desempenho nas atividades em que se envolve no PMIRIO.

O PMIRIO não existiria sem Voluntários. E tudo que realiza deve – antes de tudo – aos seus Voluntários. O crescimento, e a elevação do nível de maturidade do Quadro de Voluntários do PMIRIO é necessário, estrutural e essencial.

Ser reconhecido e nomeado como candidato é uma condição a ser alcançada. “Estar” Diretor é uma condição temporária. Atuar como Voluntário, servir, independente de cargo ou posição, é uma “opção” ... e é o que mais importa para o PMIRIO.

Por meio do “Programa Voluntário-Líder” – hoje patrocinado pelo Comitê de Nomeação – o PMI-RIO oferece oportunidades iguais a todos os voluntários e promove o seu desenvolvimento em todos os níveis.

Grande abraço a todos

Lélio Varella
Presidente do Comitê de Nomeação do PMI-RIO

21 de novembro de 2017